domingo, dezembro 25, 2005

kd 6º Death Cab For Cutie - Plans

"Plans" é um marco na carreira da banda indie Death Cab For Cutie. Depois da aclamação mundial do seu album anterior "Transatlanticism" eles foram chamados para uma gravadora de maior porte, com recursos mais largos, digamos assim. Para o círculo dos fãs do indie, isso pode soar um pouco estranho. Muitos já comecam a xingar, e blasfemar contra a banda, alegando, entre vários motivos, que eles se venderam. Isso, não obstante, é um absurdo. "Plans" mostra exatamente a mesma banda do seu antecessor, Death Cab é o mesmo, não importa a gravadora. A única diferença é na qualidade da produção, que em "Plans" está um pouco melhor.

Pode-se ainda afirmar, que eles conseguiram manter o mesmo nível de "Transatlanticism", que por si só já é um nível bastante elevado. "Plans" está um pouco mais leve, digamos assim. Não encontra-se nenhuma canção com o peso de "The New Year", por exemplo. É, certamente, um album mais calmo. "Plans" é um album gostoso de ouvir a qualquer tempo, canções ótimas como "Soul Meets Body", "Summer Skin" e outras passa um sentimento agradabilíssimo. O album também apresenta maravilhosas baladas de emocionar.

"I Will Follow You Into The Dark" é, indubitavelmente, a melhor balada, mais bonita, mais emocionante de toda a carreira de Death Cab. As letras de "Plans" também mantém o mesmo nível de "Transatlanticism". Gibbord certamente é um dos melhores letristas da atualizade. "Soul Meets Body", "I Will Follow You Into The Dark", "What Sarah Said" e a linda, otimista e maravilhosa "Someday You Will Be Loved". Realmente não tem como dizer que "Plans" é inferior à "Transatlanticism". É capaz até ousar dizer que pode ser até superior. "Plans" é um album mais consistente do que seu antecessor. Enquanto "Plans" mantém o alto nível desde seu início, "Transatlanticism" perde um pouco esse seu nível do meio pro final.

Para os que estavam desconfiados de que Death Cab não faria um album tão bom quanto, realmente se surpreenderam. "Plans" é um maravilhoso, belo e agradável album. Certamente um dos melhores do ano de 2005. Ano de grandes e ótimos lançamentos.


Melhores: Soul Meets Body, I Will Follow You Into The Dark, Someday You Will Be Loved, Crooked Teeth, What Sarah Said.

Nota: 8,7 de 10.

1 comentários:

pâmella disse...

mermao, eu fiquei com medo de baixar esse cd por medo dele ser pior que o Transatlanticism... eehuaheuahe mas pelo o que tu tais falando ae eu fiquei com vontade de ouvir xD
mande pelo msn algumam mp3 ahehauehaeuhaueha
kd kazaa x)
po.. hj eu me acordei morrendo de vontade de ouvir death cab xD
;********